Resenha: Outlander – Os Tambores do Outono (Parte 1) de Diana Gabaldon

Fantasia Histórica. Apesar de ter uma narrativa mais lenta que nos outros livros, Claire e Jamie continuam a nos encantar nesse 4º volume da série!

quatro flores e meia

Neste livro emocionante, repleto de ação, intrigas e detalhes históricos, as barreiras do espaço e do tempo são postas à prova pelo amor de um casal e pela coragem de sua filha em mudar o destino para salvá-los.

Será possível alterar o passado?

Após tomar a difícil decisão de deixar a filha no século XX e viajar no tempo novamente para reencontrar seu grande amor, Claire Randall tem mais um desafio: criar raízes na América colonial do século XVIII ao lado de Jamie Fraser. Eles partem rumo à Carolina do Norte para encontrar um novo lar e contam com a ajuda de Jocasta Cameron, tia de Jamie e dona de uma propriedade na região.

Enquanto isso, em 1969, Brianna Randall se une a Roger Wakefield, professor de história e descendente do clã dos MacKenzie, para encontrar as respostas sobre as próprias origens e sobre Jamie, o pai biológico que nunca conheceu.

Em meio às buscas, ambos encontram indícios de um incêndio fatal envolvendo os pais de Brianna. Mas Roger não pode lhe contar isso, porque sabe que a namorada tentaria voltar no tempo e salvá-los. Por outro lado, Brianna também não compartilha sua descoberta, pois tem certeza de que Roger tentaria impedi-la.

Link: Skoob | Comprar: SaraivaSubmarinoAmazon | Livro 1Livro 2 – Livro 3 (Parte 1Parte 2)

Resenha

Não é segredo nenhum que sou apaixonada por essa série e que não importa a quantidade de páginas que o livro tenha, estou eu lá, fielmente, lendo o meu exemplar. Quem acompanha o blog sabe, que a partir do terceiro livro, o cenário da história mudou bastante e nesse quarto volume, não só o cenário, mas  o desenrolar da narrativa mudou. Não, a história não começou a perder a graça ou ficar morna, apenas algumas coisas se modificaram.

Estamos falando de uma história que tem viagens no tempo e o livro se divide entre momentos no passado e momentos no “presente”. Se você não leu os livros anteriores (ou as resenhas) deve estar um pouco perdido com o que estou falando e pode encontrar spoilers por aqui, então recomendo que leia primeiro as outras resenhas para se situar melhor. A narrativa se divide entre os anos de 1767 e 1969.

Claire e Jamie estão tentando firmar raízes na América colonial do século XVIII após seu recente reencontro. Ambos enfrentam todas as dificuldades desse “novo mundo” e com a ajuda da tia de Jamie, tentam se estabelecer na Carolina do Norte e então realizar o grande sonho de ter o seu lar e terras para cultivo. Enquanto isso, Brianna e Roger (em 1969) tentam se reaproximar e estreitar os laços do relacionamento que acabou sofrendo um distanciamento com a partida de Claire. Brianna sente muita falta da mãe e a curiosidade a respeito do pai biológico (Jamie) só aumenta, levando-a a fazer pesquisas históricas sobre os dois.

Como citei no início, esse livro é um pouco diferente dos outros. Estamos acostumados com livros cheios de ação, de guerras e complicações e esse, se compararmos com os anteriores é uma verdadeira calmaria. Ao menos nessa primeira parte. Minha leitura foi mais lenta, porém não deixou de ser envolvente e prazerosa. Não tem como não se encantar com a escrita da Diana, mesmo ela sendo bastante prolixa. Os detalhes, mesmo em abundância em determinados momentos, não são cansativos. Isso é um dom e é por isso que sou tão fã dessa autora.

Em Tambores do Outono conhecemos um pouco mais de Brianna e Roger e cada vez fico mais encantada por esse casal. Roger é bem parecido com Jamie e só isso já é suficiente pra eu me apaixonar por ele. É lindo ver o nascimento de um amor que parece ser tão forte quanto o de Jamie e Claire.

Não tenho mais o que falar sobre o livro ou sobre a série, vou acabar me repetindo se continuar falando. O que posso dizer é que estou desesperada pela segunda parte, pois a parte 1 terminou no ápice dos acontecimentos e tenho certeza que a parte 2 será com mais ação!

Se você ainda não começou a ler essa série, pare tudo o que está fazendo e comece, pois ela vale muito a pena!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Comentários

comments

  • Greice Negrini

    OI Tha, eu amo Outlander né, mesmo que este tenha realmente sido um pouco mais parado porque eu acho que aquele segredo que o Roger sabe vai mudar a segunda parte do livro e por isso acabou ficando assim. Eu já estou esperando a caixinha chegar para saber mais.

    Beijos,

    Greice Negrini

    Blogando Livros

    http://www.amigasemulheres.com

%d blogueiros gostam disto: