Resenha: Escândalos na Primavera da Lisa Kleypas

Romance. Depois de tanta espera, Daisy Bowman, a mais romântica das quatro amigas, finalmente irá viver a sua própria história de amor.

quatro flores

Daisy Bowman sempre preferiu um bom livro a qualquer baile. Talvez por isso já esteja na terceira temporada de eventos sociais em Londres sem encontrar um marido. Cansado da solteirice da filha, Thomas Bowman lhe dá um ultimato: se não conseguir arranjar logo um pretendente adequado, ela será forçada a se casar com Matthew Swift, seu braçaisy Bowman sempre preferiu um bom livro a qualquer baile. Talvez por isso já esteja na terceira temporada de eventos sociais em Londres sem encontrar um marido. Cansado da solteirice da filha, Thomas Bowman lhe dá um ultimato: se não conseguir arranjar logo um pretendente adequado, ela será forçada a se casar com Matthew Swift, seu braço direito na empresa.
Daisy está horrorizada com a possibilidade de viver para sempre com alguém tão sério e controlador, tão parecido com seu pai. Mas não admitirá a derrota. Com a ajuda de suas amigas, está decidida a se casar com qualquer um, menos o Sr. Swift.
Ela só não contava com o charme inesperado de Matthew nem com a ardente atração que nasce entre os dois. Será que o homem ganancioso de quem se lembrava era apenas fachada e ele na verdade é tão romântico quanto os heróis dos livros que ela lê? Ou, como sua irmã Lillian suspeita, o Sr. Swift é apenas um interesseiro com algum segredo escandaloso muito bem guardado?
Fechando com chave de ouro a série As Quatro Estações do Amor, Escândalos Na Primavera é um presente para os leitores de Lisa Kleypas, que podem ter certeza de uma coisa: embora as estações do ano sempre terminem, a amizade desse quarteto de amigas é eterna.

 

Link: Skoob | Comprar: SaraivaSubmarinoAmazon

Resenha

As Quatro Estações do Amor – Livro 4

Primeiro de tudo, devo alertar aos leitores que ainda não leram os livros anteriores da série, que não prossigam com a leitura desta resenha, pois ela inevitavelmente conterá pequenos spoilers dos três livros anteriores.

A maioria das pessoas não se distingue por grandes feitos, mas por um número infinito de pequenas coisas. Sempre que você faz algo de bom ou faz alguém sorrir, isso da sentido à sua vida. Nunca duvide de seu valor, minha cara. O mundo seria um lugar triste sem Daisy Bowman.

Daisy Bowman, a última “flor seca” remanescente ainda em busca de um casamento. Das quatro amigas, Daisy sempre fora a mais romântica e a mais sonhadora. Sempre com a cabeça em seus livros, e nas histórias, romances impossíveis e improváveis. Mas, seu tempo para conseguir um matrimônio acaba de ser encurtado. Seu pai, cansou de esperar, e decidiu que se ela não conseguisse arrumar um casamento até o final da primavera, voltaria com ele para Nova York e seria obrigada a se casar com Matthew Swift.

As lembranças que Daisy possue sobre o Sr. Swift não são as melhores: ele representa tudo aqui que Daisy e sua irmã Liliam mais desprezam, o capitalismo e a ganância do pai. As duas cresceram sem o amor paterno, e eles vem em Swift o exemplo que o pai queria que seus irmãos fossem. Mas, Matthew Swift é muito mais do que elas poderiam imaginar.

Como todo romance de época, nós já sabemos o final óbvio da história, mas isso em nada atrapalha a leitura. Na verdade, eu até gosto dessa previsibilidade. Entretanto, se você acha que isso não significa que não há surpresas está muito enganado! A autora consegue fazer o caminho até o final totalmente cheio de reviravoltas interessantes. Um livro totalmente gostosinho de se ler!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Comentários

comments

%d blogueiros gostam disto: