Dez coisas que aprendi sobre o amor (Primeiras Impressões)

Preparados para um livro lindo, tocante e que vai te levar às lágrimas?

Sinopse: (Skoob)

Por quase 30 anos, quando a brisa de Londres torna-se mais quente, Daniel caminha pelas margens do Tâmisa e senta-se em um banco. Entre as mãos, tem uma folha de papel e um envelope em que escreve apenas um nome, sempre o mesmo. Ele lista também algumas coisas: os desejos e o que gostaria de falar para sua filha, que ele nunca conheceu. Alice tem 30 anos e sente-se mais feliz longe de casa, sob um céu estrelado, rodeada pela imensidão do horizonte, em vez de segura entre quatro paredes. Londres está cheia de memórias de sua mãe que se fora muito cedo, deixando-a com uma família que ela não parece fazer parte. Agora, Alice está de volta porque seu pai está morrendo. Ela só pode dar-lhe um último adeus. Alice e Daniel parecem não ter nada em comum, exceto o amor pelas estrelas, cores e mirtilos. Mas, acima de tudo, o hábito de fazer listas de dez coisas que os tornam tristes ou felizes. O amor está em todas as partes desta história. Suas consequências também. Sejam boas ou más. Até que ponto uma mentira pode ser melhor do que a verdade?

Primeiras Impressões:

unnamed

Queridos leitores, quero antes de mais nada preparar vocês para um livro extremamente tocante. Esse é aquele tipo de livro que deve ser lido com lencinhos de papel ao lado.

A editora Novo Conceito disponibilizou para seus parceiros uma degustação de um dos seus lançamentos com o intuito de nos fazer sofrer e morrer por ansiedade apresentar um pouco da tocante história de dois personagens que estão tão distantes e ao mesmo tempo tão próximos.

Quando vi o título, Dez coisas que aprendi sobre o amor, e a capa belíssima já fiquei muito inclinada a ler o livro. Comecei a ler a degustação e tal foi a minha surpresa que estou agora, nesse exato momento, desesperada para ter o livro em minhas mãos e ler o final da história.

Pelas poucas páginas disponibilizadas é possível perceber como Daniel e Alice são personagens fascinantes. Cada um com sua história, sua dor e sua forma de amar vão deixar os leitores em um estado bem profundo de análise sobre o amor.

Não quero me aprofundar nessa análise, pois uma resenha completa virá quando eu estiver com o livro em mãos. No momento o que posso dizer é que a história é narrada em primeira pessoa, intercalada entre Daniel e Alice e que é uma narrativa muito envolvente, sensível e arrebatadora.

Minha Lista:

O amor, é um tema um pouco complicado para mim. O amor entre um casal, não as outras infinitas formas de amar… Resolvi então fazer a minha lista sobre as 10 coisas que aprendi sobre o amor:

  1. O amor entre um casal é o sentimento mais sublime que existe e ao mesmo tempo é tão devastador quando não é recíproco;
  2. Amar não é se anular;
  3. Existem diversas formas de amor e cada uma se manifesta de acordo com o momento e as circunstâncias;
  4. Você pode amar mais de uma vez na vida;
  5. Amor é como uma planta, ele precisa de água, luz e cuidados para se manter vivo;
  6. Quem ama deixa o outro ir;
  7. O amor é o responsável pelos momentos mais lindos e os mais terríveis de sua vida;
  8. Sem as desilusões do amor não teríamos o Pablo do Arrocha!
  9. Amar é dizer não;
  10. Amar é respeitar as diferenças.

Espero que a editora lance logo esse livro porque eu PRECISO ler a continuação!

E você, o que aprendeu sobre o amor? Deixe aqui nos comentários a sua listinha 😀

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Comentários

comments

%d blogueiros gostam disto: