Resenha – A playlist de Hayden de Michelle Falkoff

Drama. Terminei a leitura com uma sensação de “ahh, já acabou?”. Que livro gostoso de ler! Apesar de abordar temas tão pesados ele trás uma leitura leve e bem instigante.

5estrelasDepois da morte de seu amigo, Sam parece um fantasma vagando pelos corredores da escola, o que não é muito diferente de antes. Ele sabe que tem que aceitar o que Hayden fez, mas se culpa pelo que aconteceu e não consegue mudar o que sente

Enquanto ouve música por música da lista deixada por Hayden, Sam tenta descobrir o que exatamente aconteceu naquela noite. E, quanto mais ele ouve e reflete sobre o passado, mais segredos descobre sobre seu amigo e sobre a vida que ele levava.

A PLAYLIST DE HAYDEN é uma história inquietante sobre perda, raiva, superação e bullying. Acima de tudo, sobre encontrar esperança quando essa parte parece ser a mais difícil.

Link: Skoob | Comprar

Resenha

2015-06-07 22.52.00

Leia a Resenha ouvindo a playlist de Hayden clicando Aqui.

Quando vi a capa desse livro minha primeira impressão foi de que seria um livro YA, ou seja, mais um romance para adolescentes. Fiquei na dúvida se iria pedir ou não, já que estou com tantos livros de romance pra ler e ando meio açucarada ultimamente rssss. Decidi ler a sinopse e me deparei com um tema bem pesado: o suicídio. Solicitei à Novo Conceito imediatamente.

A playlist de Hayden trás como temática o suicídio e como pano de fundo assuntos como o bullying, perda, raiva, superação e como encontrar esperança diante de uma situação tão dolorosa. Achei incrível como a autora conseguiu tratar de temas tão densos de uma forma tão leve e envolvente.

Para sua estréia como autora, Michelle transformou um assunto (infelizmente) polêmico e contemporâneo em uma história envolvente e instigante, nos apresentando a personagens marcantes e tão próximos do leitor. Sam e Hayden são encantadores e apesar de Hayden ter morrido já nas primeiras páginas do livro, me peguei a todo momento torcendo para que sua morte não fosse real.

A narrativa da autora é muio envolvente. É quase um convite a nos fazer virar as páginas e buscar entender tudo o que está acontecendo e encontrar as respostas para as perguntas de Sam. A música é algo marcante e essencial aqui, então se prepare para embarcar numa melodia gótica e melancólica durante toda a história junto com Sam.

Além de Sam e Hayden temos personagens secundários que são tão especiais quanto eles. Cada um dos grupos me despertou diversificadas emoções. A “trifeta” do bullying trouxe a tona toda minha por pessoas preconceituosas, mas também me levou a enxergar o outro lado da moeda. Os pais de Hayden me levaram a pensar sobre a omissão dos pais. Já a mãe de Sam me mostrou que mesmo estando ausente na maior parte do tempo é possível demonstrar cuidado e amor aos filhos. Me identifiquei muito com os novos amigos de Sam e torci muito por Hayden e Astrid no decorrer da leitura. Falkoff deixou implícito muitos alertas aos pais, professores e amigos em sua narrativa.

A playlist de Hayden é uma leitura intensa, inquietante e ao mesmo tempo muito bonita. Você não vai conseguir parar de ler até chegar ao final. Assim como eu, você vai querer descobrir se Sam está louco ou se tudo aquilo pelo qual ele está passando é real. Mais do que recomendado para quem gosta do gênero!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Comentários

comments

%d blogueiros gostam disto: